21 Novembro, 2019 Sapien Livre 2Comment

Quando falo sobre poupar dinheiro e investir costumo ouvir um monte de desculpas, coisas do tipo… – Ganho pouco, – Quando terminar de pagar o carro vou começar ou então falam… – Quando eu tiver mais dinheiro começo. Porém existe uma desculpa que é a mais frequente que todas as outras:

O desafio financeiro de uma vida a dois

Esta desculpa, que é frequente desde quem apenas namora até casais de longa data, é muito fácil de usar, afinal de contas, quando você usa esta argumentação deixa de ser responsável pelo seu fracasso financeiro.

Dizem… – Se eu fosse solteiro seria diferente, ou – Se não estivesse namorando conseguiria poupar mais dinheiro. Essas desculpas permitem que você não sinta responsabilidade e ainda coloque nas costas dos outros a culpa por não fazer poupança, por não investir e até por ser endividar.

Uma das principais razões para este tipo de argumento ser argumento muito utilizado é porque, nem no namoro até o casamento as pessoas não falam sobre dinheiro de forma aberta. Como já escrevi em outro post, este também é o maior motivo de brigas entre casais.

O estresse resultante de saber que sua conta está zerada todos os meses e ainda assim ter cobranças e despesas inesperadas gera muitas brigas. Não tem relação que dure, por isso é melhor evitar brigas e manter a conta bancária em frangalhos.

Para quem acredita que não é possível ser investidor e manter uma relação a dois, deixo abaixo a entrevista que fiz com a Yuka, do Viversempressa.com. Ela é casada e mãe de duas crianças pequenas, poderia ser só mais uma pessoa que usaria o casamento e os filhos como desculpa para não poupar e investir, no entanto ela está próxima de alcançar a independência financeira.

Abaixo o link da entrevista para quem quiser se enriquecer com as ótimas dicas:

Independência financeira para casais com filhos

Mais uma vez, volto a insistir que o principal problema é comunicação. Enxergar o outro como adversário não pode  e nunca será bom para melhorar a situação financeira, e o que é pior, deteriora a relação. Ter uma pessoa deveria ser uma soma na caminhada por uma vida financeira mais saudável, afinal de contas, a união faz a força, pelo menos é o que dizem.

Você é uma pessoa que vive essa situação? O que acha deste argumento de não poupar em função do relacionamento?

Leia também:

Infidelidade Financeira – Até que o dinheiro os separe

Imagem por –  Burak kostak – Pixabay

2 thoughts on “Uma das maiores desculpas para não poupar

    1. Hahah… sábio é o seu marido.
      Eu costumo usar vc como referência sempre que alguém me dá desculpas que não investe por ser casado. Acho que é essa nossa missão, ser referência.
      Bjos!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *