21 Março, 2018 Sapien Livre 0Comment

Antes de falar de dinheiro, montar uma estratégia de alocação de ativos e carteira de investimentos, é preciso se conhecer como investidor, ou seja, saber qual o seu perfil de investidor.

Para descobrir em que perfil você se encaixa vale a pena fazer alguns questionamentos e reflexões:

  • Como era a relação de seus pais com o dinheiro?
  • Você sempre teve tudo o que queria ou sua família sempre lhe colocou limites?
  • Recebeu educação financeira quando era criança?
  • Em algum momento da sua vida passou por dificuldade financeira?
  • Seus pais eram mão aberta ou sovinas?

Estas questões dizem respeito ao seu passado. Através delas pode obter respostas sobre o seu comportamento e sentimento atual com relação ao dinheiro.

A segunda etapa de questões evidenciarão sua disposição a correr riscos e seus conhecimentos sobre investimentos:

  • Por quanto tempo gostaria de manter o investimento?
  • Quanto de seus rendimentos separa para investir?
  • Está disposto a correr o risco de perder parte do seu dinheiro em troca de um possível rendimento acima da média do mercado?
  • Se visse seus investimentos perder 50% do valor inicial o que faria? Compraria mais aproveitando a queda nos preços ou venderia tudo para salvar a metade que sobrou?
  • Qual o seu conhecimento sobre investimentos? Tem familiaridade com diferentes tipos de ativos?
  • Estuda com frequência? Está disposto a dedicar parte do seu tempo para aprender e estudar a investir? 

Pare por um tempo a leitura e responda essas perguntas, elas podem dizer muito sobre a sua situação financeira atual.

O que observo é que mais de 90% das pessoas se dizem conservadoras. Não querem correr risco nenhum, mas, ao mesmo tempo, querem alta rentabilidade.

A realidade é que se quiser ter maior rentabilidade terá de correr mais riscos. Em via de regra, quanto maior a exposição ao risco maior a taxa de retorno do investimento. Este é o prêmio pela coragem.

Aqueles que não querem correr riscos também não terão altos retornos. Não existe mágica e quem falar ou prometer o contrário está mentindo.

Uma coisa que precisamos ter consciência é que só não corre riscos quem não tem nada para perder. Se você tem dinheiro, mesmo que esteja no investimento mais seguro do mundo, ainda assim sempre haverá algum risco.

PERFIL DE RISCO X OPERAÇÕES INDICADAS

CONSERVADOR

Fundo de Renda Fixa, Títulos Públicos, Certificado de Depósito Bancário (CDB), Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Letra de Crédito do Agronegócio (LCA), Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI), Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA), Debêntures, Letras de Câmbio (LC).

MODERADO

Todos os produtos e operações do perfil conservador mais, Mercado à vista em Bolsa de Valores, posições doadoras em empréstimo de ações (BTC), Fundos Multimercado sem alavancagem, Clube de Investimento, Fundo de Ações, Fundo Cambial, Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC), Fundo de Investimento em Participações (FIP), Fundos de Investimento Imobiliários (FII) e Ouro à vista.

ARROJADO

Todos os produtos e operações indicados ao perfil moderado mais, Derivativos e posições tomadoras em empréstimos de ações (BTC) e Fundo Multimercado com Alavancagem.

Entender a sua relação com o dinheiro e sua capacidade de lidar com exposição ao risco é essencial para se tornar um investidor de sucesso e conseguir dormir tranquilo.

**Sugestões de operações financeiras da corretora Socopa.

** Este artigo não é uma sugestão de investimentos. Para investir você deve fazer estudos mais detalhados e de acordo com seu planejamento financeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *