9 Janeiro, 2020 Sapien Livre 0Comment

É um assunto muito recorrente falar sobre postergar gratificações instantâneas em função de um objetivo futuro. Acho que todo mundo conhece, apesar de a maioria não aplicar isso na prática, as pessoas associam este conceito ao consumo imediato de coisas, porém também pode ser usado tanto para gastar quanto para o ato de ganhar dinheiro.

Gratificação Instantânea ao contrário

Quando falamos do outro lado da moeda, de atrasar gratificações em termos de ganhos, temos pouca discussão a respeito. Neste aspecto postergar ganhos financeiros hoje, seja pelo salário, investimento ou estudo, está diretamente ligado com uma mentalidade empreendedora. Afinal, quem aceita mudar de emprego para receber menos, entendendo que terá uma projeção de carreira no futuro, nada mais está fazendo que empreender. Um investidor que deixa de rentabilizar seu dinheiro no curto prazo, aceitando até certas desvalorizações, está empreendendo pois está criando novas possibilidades, mesmo que seja pelas mãos de terceiros.

No entanto, seja moderado naquilo que espera ganhar, para que possa realmente ter respostas futuras realistas e não um punhado de frustração.

Considerando que ao tomar decisões de, por exemplo, largar o emprego para pegar outro com salário bem menor, terá muitas pessoas lhe desencorajando e serão essas pessoas que vão apontar o dedo para você caso quebre a cara.

Só quem já viveu essa experiência sabe como é complicado ter apoio quando você se colocar contrário ao ditado popular…” mais vale um pássaro na mão do que dois voando”. Em teoria é isso que fazemos, deixamos algo garantido em função de uma gratificação (incerta, mas calculada) futura.

No início de minha carreira, eu tinha um emprego com um bom salário, porém minha faculdade não tinha nenhuma relação com o que eu fazia. Eu não exitei em largar meu emprego para me tornar estagiário, ganhando um terço do que recebia,  se quisesse seguir carreira e crescer na minha área, precisava largar aquele emprego que tanto me agradava.

Vejo hoje muita gente que não consegue exercer a profissão para a qual se formou, elas não aceitam perder a renda atual, ou pior, não podem se dar ao luxo de uma redução de salário pois já estão com a corda no pescoço, orçamento comprometido e cheias de dívidas. É muito triste ver o desperdício de talentos, pessoas frustradas e sem perspectiva em função da falta de planejamento financeiro.

O planejamento financeiro vem como uma ferramenta para ajudar neste processo, se você é uma pessoa que deseja migrar de carreira, se livrar de um marido tranqueira, trocar de emprego, mesmo que seja apenas pelo objetivo de ganhar qualidade de vida, precisa planejar a médio\longo prazo.

O engraçado é que para lidar com um orçamento apertado e criar reservas, precisamos considerar o outro lado de postergar gratificações instantâneas, o lado do consumo.

Não sei se ficou claro, mas era essa a mensagem. Considere postergar gratificações instantâneas em termos de ganhos, geralmente é assim que se transforma a vida com maior impacto a longo prazo.

Entenda sobre planejamento financeiro nos artigos abaixo:

Partindo dessa para uma melhor –  Planejamento financeiro último passo

Como pagar menos impostos

Aprenda a proteger seu dinheiro 

Como Investir para Aposentadoria

Vai continuar dando resto para o seu sonho?

Quanto devo poupar por mês?

Como construir um orçamento matador em 9 passos

Começando pelo começo – Planejamento Financeiro

Imagem por Skitterphoto – Pixabay

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *