25 Novembro, 2020 Sapien Livre 4Comment

Para cada escolha uma renúncia, e junto com ela vem o sofrimento. A ideia do pensamento torturante do “e se”. Nós investidores, pessoas que se acostumaram a tomar decisões e, costumeiramente, ver que a decisão poderia ter sido outra, principalmente se não estamos felizes com o rumo que as coisas tomaram. A pergunta que sempre fica é… E se eu tivesse feito diferente?

Escolha e liberte-se

Nos investimentos, nos relacionamentos, na carreira. Tomar decisões é sempre angustiante. Toda tomada de decisão leva a resultados que muitas vezes nos trás sofrimento, o sentimento de estar perdendo, afinal de contas, para cada escolha uma renúncia. No mundo dos investimentos, quando fazemos uma escolha e observamos, de forma retrospectiva, que deveria ter feito outra, ficamos angustiados, nos torturamos, nos culpamos e por muitas vezes nos castigamos.

No entanto, toda escolha, seja ela boa ou não, deve ser encarada como algo positivo, afinal de contas, se deu certo, que bom! Se deu errado… que bom também!. Devemos dar credito para nossa coragem.

Terminou um relacionamento, está sofrendo… então fica remoendo como seria? E se tivesse feito isso ou aquilo. Se tivesse dito aquela  outra coisa… Não importa. O importante é que tomou uma decisão e isso é coragem. Isso é vida e se libertar do “e se” é a melhor forma viver em paz.

A reza mais curta e eficiente do mundo

Tem um filme, (não lembro qual) em que um homem viciado, enviado para tratamento, pergunta ao padre qual a reza mais curta e eficiente do mundo. O padre, após pequeno silêncio responde: Foda-se!

O foda-se liberta, sua decisão se foi errada ou certa, se foi a melhor ou não… era a melhor que você, naquele momento, poderia tomar. Então Foda-se. Liberte-se de todas as opções que não escolheu. Não importa, repito… Foda-se!.

Eu larguei onze anos de carreira, deixei um emprego que muita gente invejaria. Fiz uma escolha, tenho que saber das consequências e tudo que renunciei. Preciso ter muito bem claro que pode dar errado e com certeza, vai ter um monte de gente para apontar o dedo na minha cara, mas quer saber, foda-se!

Só se vive uma vez e não posso me agarrar nas outras possibilidades que deixei ao fazer minha escolha. Aquele que te aponta o dedo não tem coragem de tomar suas próprias decisões, de viver seus desejos. Ele está podado e quer podar você também em função da própria frustração. Se eu vou quebrar a cara, foda-se. A felicidade não tolera os covardes.

Nem sempre o que você ama é o que te fará feliz

Isso vale para relacionamentos, família e investimentos. Uma pessoa que você ama e não te corresponde, que não está no seu time, que não tem os mesmos valores que o seu, independente de você amar. Deixe ir… se permanecer é o mesmo que nadar com uma bola de ferro amarrada aos pés.

Um investimento ruim, mesmo que você esteja apegado, que tenha carinho, que foi aquele primeiro que marcou sua história… deixe erra porra de lado e siga em frente!

É muito fácil se apegar ao que conhecemos, é seguro… está uma bosta, mas ai você pensa, isso eu já conheço. sei como vai se comportar, sei o que devo entregar e também sei o que vou receber. Tá ruim mas tá bom.

É uma bosta, sim… mas dá para o gasto. NÃO! A vida passa muito rápido, não é fácil desapegar de alguém que ama, não é fácil mudar de vida. É como a dor da morte, precisamos viver o luto, mas deixe ir porque no final você renasce mais forte.

E se escolheu errado? Tudo bem, fez o melhor que poderia naquele momento, nem sempre o resultado será bom, faz parte! Mas você foi você e isso é certo, agora será mais forte, é uma nova pessoa.

Imagina deixar um investimento que te rende muito, um emprego que te paga muita grana, um relacionamento que te entrega o necessário e o conforto de tudo aquilo que já conhecemos.

Estamos acostumados a buscar sempre mais, a querer mais  e a responder as pessoas com o que elas esperam da gente. Assim nos esquecemos de decidir SER mais e se importar com menos.

Remoer o que deu errado é desperdiçar tempo para buscar o que pode dar certo, Decidi pelo que faz meu coração bater mais forte, pelo que acredito e mesmo sem a segurança do conforto, mesmo que exista sofrimento momentâneo, fiz uma escolha e me libertei de todas as outras.

Tem um ditado clichê que fala: Todo mundo nasce, mas nem todo mundo vive… então vai viver, porra!

4 thoughts on “Faça uma escolha e liberte-se das outras

  1. Admiro muito sua escolha e sua coragem, Sapien! Deu pra captar o sentimento nesse post e nunca tenha dúvidas sobre suas decisões, até porque, quase todas, são reversíveis.
    Viva e seja feliz, afinal, é pra isso que estamos nesse planeta.
    Abraço

  2. Muito bom post, principalmente a parte de amar e não ser feliz! Me fez refletir um pouco e de fato é algo certeiro, não dá pra ficar apenas em uma via, o amor é algo compartilhado e se um não quer não tem como as coisas irem bem, daí é só pegar isso e expandir pro resto da vida =)

    Abçs

    1. É o que penso mano. Amor não é suficiente para ser feliz e umas das coisas mais difíceis e dolorosas da vida é abrir mão de algo ou alguém que ama.
      Abraço

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *